Qual é o melhor cashback: C6 Bank ou Banco Inter?

Autor: Estação

Atualização:


Como instituição bancária, o C6 tem a vantagem de ser mais completo do que as fintechs e de contar com a fiscalização do Banco Central. Entre os pontos que merecem destaque está o de que, assim como o Banco Inter, o C6 oferece serviços básicos de forma gratuita.

Os cartões de débito e crédito do Inter e C6 Bank também não possuem anuidade ou mensalidade e não cobram tarifas de adesão. As transferências são ilimitadas e gratuitas e os saques nos caixas eletrônicos da rede de Banco24Horas também. Além disso, não são cobrados valores para emissão de boletos de depósito.



Como funciona o Cashback C6?

Primeiramente, o cashback C6 Bank funciona um pouco diferente do que é o comum. Em geral, o cashback é uma porcentagem de cada compra que você recebe de volta como dinheiro na conta.

No caso do C6 Bank, o cashback é mais um produto na C6 Store. Assim, você acumula pontos no programa Átomos e poderá resgatar esses pontos como dinheiro na conta.

Dessa maneira, para receber cashback no C6 Bank, basta acumular pontos no programa Átomos. 

Atualmente, há 4 opções de cashback disponíveis no C6 Store: R$ 2,00 (100 pontos), R$ 20,00 (1000 pontos), R$ 125,00 (5000 pontos) e R$ 250,00 (10000 pontos). O dinheiro irá cair na sua conta C6 Bank em até 5 dias úteis após solicitar o resgate.

O programa Átomos é o programa de benefícios do C6 Bank, onde você acumula pontos que não expiram, não tem mensalidade e para trocar seus pontos é simples e fácil. Aliás, nem precisa esperar a fatura fechar para ter seus pontos, eles são atualizados a cada compra feita.

Nesse programa, cada real de compras no crédito recebe 0,05 pontos e, no débito, 0,03 pontos. Caso você faça portabilidade de salário, você recebe 3 mil pontos extras e, ao cadastrar chaves Pix no C6, recebe 1,2 mil pontos extras.

Também é possível adquirir os programas de aceleração. No plano de R$ 10/mês você aumenta para 0,28 pontos por real gasto no crédito e 0,10 pontos no débito. Já no plano de R$ 20/mês você recebe 400 pontos extras por mês.

Como funciona Cashback Inter?

O cashback Inter já funciona diferente. Há diversas formas de ganhar cashback no Banco Inter, seja na InterShop, investindo, usando o cartão de crédito, abastecendo o carro, comprando passagens aéreas, etc.

Pelo InterShop você pode receber cashback em mais de 200 lojas, cada uma com uma porcentagem diferente, podendo chegar até 20%! Nos fundos de investimento também há cashback e comprando passagens pelo InterTravel.

No cartão, o cashback é de 0,25% para o cartão Gold, 0,5% para o Platinum (clientes Inter One) e 1% para cartão Black (clientes Inter Black e Win).

O cashback Inter ganhou em compras no cartão de crédito são depositados na sua conta Inter em até 6 dias úteis, enquanto compras no InterShop pode levar até 30 dias para cair na conta de correntistas e de 45 a 120 dias para não correntistas. 

Ademais, para ativar o cashback no cartão de crédito é preciso colocar a fatura em débito automático.

O cashback funciona com qualquer método de pagamento?

Cada programa de cashback possui suas regras. No caso do C6 Bank a única forma de ganhar cashback é usando seus pontos Átomos, mas para acumular pode ser no cartão de crédito ou débito.

Enquanto isso, o cashback Inter já possui diversas maneiras de conseguir dinheiro de volta. Ao usar o InterShop você pode receber cashback até sem ser correntista! 

Para o correntista, o cartão de crédito tem cashback em todas as compras e investir em certos ativos também geram dinheiro de volta na conta.

Eu recebo cashback em compras parceladas?

Como o C6 Bank não oferece cashback direto na fatura do cartão, isso não se aplica, afinal, basta acumular os pontos conforme as regras do programa Átomos.

Já no Banco Inter, você recebe, sim, cashback em compras parcelas. A diferença é que o valor de cashback é calculado em cima daquilo que for lançado na fatura. Isto é, uma compra de R$ 1000 parcelada em 10x de R$100, o dinheiro de volta será em cima da parcela. Para compras no InterShop as regras são diferentes e varia de loja para loja.

Não recebi meu cashback. E agora? 

Muitas vezes as pessoas acham que não receberam o cashback, mas na verdade ainda está dentro do prazo. Para o C6 Bank, após solicitar o resgate, levará até 5 dias úteis para o dinheiro estar na sua conta.

No Inter, o cashback na fatura do cartão cai em até 6 dias e no InterShop em até 30 dias (ou até 120 para não correntistas). Por isso, esteja atento ao prazo, caso tenha passado esse período será necessário entrar em contato com suporte.

Como funciona o cashback?

Na maioria dos estabelecimentos e espaços, o cashback é uma espécie de programa de fidelidade.

Nesse caso, o consumidor que deseja receber os valores como retorno precisam se cadastrar em sites e programas.

Depois disso, cada vez que realizam compras, é necessário ativar os aplicativos para que eles reconheçam a transação e garantam o dinheiro que será reembolsado.

Muitas vezes, esse valor precisa ser acumulado e se tornar um montante maior para ser resgatado e transferido para outra conta bancária.

Ainda, esse dinheiro pode ser utilizado como crédito em outras compras e não necessariamente resgatado e transferido.

Para que serve o cashback?

O cashback serve para que pessoas que realizam compras online possam ter o retorno financeiro de uma parte que gastaram em suas compras.

É uma ferramenta que aparece em diversas companhias de cartão de crédito e que pode reverter porcentagens gastas em saldo para outras compras ou dinheiro para ser resgatado e transferido para outras instituições.

Atualmente, diversas companhias e empresas de cartão de crédito vêm oferecendo esse recurso para seus usuários, já que é uma possibilidade que chama atenção.

Normalmente, cada loja e estabelecimento tem sua porcentagem definida individualmente e varia conforme o momento.

Nesse caso, o valor de cashback pode variar conforme a ocasião, subindo ou descendo.

Como usar o cashback?

Conforme a operadora de cartão de crédito que o consumidor usa, é necessário ativar o cashback para ganhar o dinheiro de volta a cada compra.

É possível, também, conferir quais são as porcentagens de cada estabelecimento para ganhar o valor como retorno.

Cada operadora tem seu funcionamento único: basta ativar e ter o serviço disponível na hora de concluir uma conta.

Normalmente, o dinheiro de volta demora um tempo para aparecer como crédito ou como saldo disponível para transferência, então é necessário aguardar.

Às vezes, também, é preciso aguardar um valor mínimo para fazer movimentações com o que se recebe como cashback.

Qual é a vantagem do cashback?

Atualmente os programas de dinheiro de volta (cashback) estão quentes! Afinal, muitas pessoas preferem receber parte do valor da compra de volta, em vez de pontos que só podem ser resgatados em produtos ou passagens.

Mas será que realmente vale a pena?

A grande vantagem do cashback é você economizar enquanto faz suas compras. Assim, você recebe “descontos” sempre, até quando a loja esteja oferecendo alguma promoção.

Além disso, o cashback pode ser usado como uma ferramenta para juntar dinheiro. Uma vez que você pode pegar o dinheiro e ir investindo, ou adquirir cartões que já faz isso por você, como o cartão XP e cartão BTG+.

Contudo, é importante destacar que o programa de cashback visa fazer você gastar mais. Portanto, é preciso ter um bom controle financeiro para não cair na tentação de comprar mais do que deve, só porque parte do valor vai voltar para você.

Então, cashback vale a pena sim. Contudo, antes de sair usando o programa, avalie os custos do cartão (anuidade, mensalidades, taxas e tarifas), para garantir que o valor que você recebe de volta é maior que seu custo para usá-lo.

Mais Opções

Como funciona o programa Mastercard Surpreenda?

Próximo Cartão

Caixa Singular e Private: cartões com limite alto

Sobre o Estação

O Estação oferece respostas às suas dúvidas sobre cartões de crédito e contas digitais. O portal quer que você tenha certeza de que está tomando uma boa decisão. Siga o Estação no Google News.

Atenção: Para analisar pedidos de cartões de crédito, as instituições financeiras levam em consideração o perfil financeiro do consumidor. Por isso, é possível que um pedido seja negado em uma instituição financeira e aprovado em outra, já que cada uma usa critérios próprios para avaliação.

Mais opções para você