Proteção de Preço: o que é e como funciona

Advertisement

Alguma vez você já fez uma compra e dias depois encontrou aquele mesmo produto bem mais barato?

É para esse tipo de situação que o seguro Proteção de Preço, oferecido pela bandeira Mastercard, serve.

O seguro Proteção de Preço é completamente gratuito. Para entender melhor como funciona este benefício, continue por aqui.

Boa leitura!

O que é o Seguro Proteção de Preço?

Se você é titular de um cartão de crédito Mastercard, pode se beneficiar do Seguro Proteção de Preço.

Este seguro permite que você seja reembolsado pela operadora caso encontre um produto por preço mais baixo que o preço de compra, em até 30 dias após a compra.

Por exemplo: imagine que você comprou, com seu cartão Mastercard, uma geladeira por R$ 2 mil e dias depois, encontrou a mesma geladeira por R$ 1.650,00. Com o seguro Proteção de Preço, você consegue receber a diferença no valor de R$ 350,00 de volta.

Isso é muito bom, não é mesmo?

Quem tem direito à Proteção de Preço da Mastercard?

A principal condição para usufruir do seguro Proteção de Preço é ter um cartão de crédito Mastercard.

Mas atenção, este benefício só está disponível a partir da categoria Gold.

Além disso, existem outras condições, veja quais são:

– O produto ou serviço comprado precisa custar no mínimo U$$ 50,00. Sabemos que o dólar sofre variações o tempo inteiro, portanto, é preciso fazer a conversão do momento para saber o valor real. Mas para você ter uma ideia, atualmente, este valor convertido em reais, gira em torno de aproximadamente R$ 250,00,

– É preciso apresentar nota fiscal e recibo da compra do produto/serviço,

– O preço mais baixo deve ter sido impresso ou anunciado na internet em até 30 dias após a compra,

– A compra deve ter sido realizada no mesmo país em que o cartão de crédito foi emitido,

– O valor máximo do reembolso é de até U$$ 100,00 por compra, e até U$$  200,00 por conta, durante 12 meses.

Esteja atento, pois o seguro Proteção de Preço da Mastercard não considera compras realizadas com cupons de desconto, ou outros tipos de abatimento que as lojas costumam oferecer.

O seguro Proteção de Preço vale para qualquer tipo de compra?

A bandeira Mastercard disponibiliza uma lista on-line de produtos cobertos pela Proteção de Compras.

Conheça aqui os produtos que não são cobertos pela Proteção de Preços:

– Itens de casa, como janelas, pias, portas, etc,

– Objetos usados,

– Equipamentos de incêndio,

– Bebidas,

– Cigarros,

– Combustíveis,

– Remédios,

– Perfumes e cosméticos,

– Obras de arte, antiguidade, objetos raros e antiguidades,

– Fretes e taxas e instalação,

– Terrenos ou imóveis,

– Plantas e animais,

– Barras de ouros ou qualquer equivalente em dinheiro,

– Produtos de leilão e sites de desconto,

– Utensílios domésticos permanentes, tais como: tapetes, ar condicionado, refrigerador, etc,

– Produtos que estão em sites que não têm a venda de mercadorias como objetivo principal.

Como faço para solicitar o seguro Proteção de Preço?

Como mencionado anteriormente, só de cumprir com as condições como ter um cartão de crédito Mastercard, categoria Gold, você já conta com o seguro.

Ou seja, o cadastro já é realizado automaticamente.

Para acionar este seguro na hora da necessidade, basta solicitar via telefone ou internet.

Para acionar o seguro Proteção de Preço pela internet, basta acessar o site Mycardbenefits, selecione o país emissor do cartão, digite o número do cartão, clique em “Ler mais” e em “Proteção de Preço”. Daí é só selecionar a opção “Iniciar um aviso de sinistro”, colocar o número do telefone para confirmar que você é o titular do cartão e clique em “Enviar código de verificação”.

Depois, é só enviar o código recebido via SMS e passar as informações gerais sobre sua compra e também a comprovação do anúncio mais barato que você encontrou.

Após seguir todos os passos orientados pela página, é só aguardar a análise para receber o reembolso.

Caso opte por acionar o seguro por telefone, ligue para 0800 891 3294 e siga as orientações.

Documentos necessários para acionar o seguro Proteção de Preço

Veja quais são os documentos que você precisa apresentar na hora de acionar a Proteção de Preço:

– Cópia do RG,

– Cópia do comprovante de residência,

– Nota fiscal da compra,

– Extrato que consta a cobrança realizada pelo cartão de crédito Mastercard,

– Formulário de transferência bancária do site My Card Benefitis.

Vale a pena usar o seguro Proteção de Preço?

O seguro de Proteção de Preço da Mastercard pode ser útil em certas situações, já que reembolsará a diferença de preço se você comprar um item e, em seguida, encontrar o mesmo produto por um preço mais baixo dentro de um período de até 30 dias.

Vale a pena considerar alguns pontos:

– Termos e Condições: Leia atentamente as condições do seguro, já que há restrições sobre quais tipos de produtos se aplicam, limites de reembolso, prazos e processos de solicitação.

– Uso prático: Se você costuma comprar itens que têm uma variação significativa de preço após a compra, como eletrônicos, isso pode ser vantajoso. Mas para produtos que não costumam ter grandes flutuações de preço, pode não valer a pena o esforço.

– Procedimento de reembolso: Verifique como é o processo de reembolso.

Comparação com outras opções: Em alguns casos, existem programas de fidelidade ou sites que oferecem políticas similares de proteção de preço, então considere comparar para ver qual oferece melhores benefícios.

Custo-benefício: Se o custo anual do cartão que oferece esse seguro não for justificado pela economia que você espera fazer com o seguro, pode não ser vantajoso.

Em resumo, se você costuma fazer compras que possam ter variações significativas de preço após a compra, pode valer a pena. Mas é importante avaliar caso a caso e considerar suas próprias preferências de compra e hábitos de gastos.

Até o próximo artigo!