Finanças na prática: como aplicar o seu dinheiro

Advertisement

Neste nosso momento econômico, é comum as pessoas se perguntarem qual é o melhor investimento,

A maioria conhece a poupança, que não deixa de ser um investimento super seguro, contudo, não é o melhor.

Há outros tipos que você deve conhecer para assim escolher melhor onde aplicar seu dinheiro, seja o quanto for. O valor não importa.

O que interessa é se você está seguro, se tem uma grana e pode ficar “retida” por algum tempo, uma vez que muitos investimentos precisam de permanecer com o valor para você alcançar rendimento.

Anota aí:

  • Fique atento aos investimentos oferecidos pelo mercado financeiro,
  • Conheça os tipos de investimento,
  • Saiba como investir seu dinheiro para que ele renda mais e com segurança,
  • Escolha o melhor investimento para o seu bolso.

Conheça alguns investimentos melhores que a poupança

Além da poupança, alguns investimentos podem ser excelentes opções de investimentos.

A taxa Selic, que é a taxa básica de juros no Brasil, foi para o patamar de 13,75% ao ano. Ela foi decidida no dia 1 de fevereiro de 2023 pelo Copom, que decidiu manter a taxa neste valor.

Há opções a curto prazo, como as Letras de Crédito Imobiliário – LCI e os Certificados de Depósitos Bancários – CDB, que têm um rendimento um pouco maior que as poupanças, e os Títulos de Tesouro Nacional, que podem render a curto e a longo prazo.

1. Tesouro direto

. Tesouro Direto: uma das formas mais seguras de investir dinheiro e ideal para investidores iniciantes.

Conheça os três tipos de títulos para fazer investimentos nessa aplicação:

. Tesouro IPCA+: paga a taxa de juros sobre o valor investido, mais a inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA),

. Tesouro prefixado: a rentabilidade final já é acordada no momento da compra do título, ou seja, você vai saber exatamente qual será a taxa de juros paga,

. Tesouro Selic: você recebe a remuneração de acordo com os valores da taxa Selic vigente no vencimento do título.

2. CDB – Certificados de Depósito Bancário

CDB: é um investimento feito em Certificados de Depósito Bancário – CDB. São títulos emitidos pelos bancos, como uma forma de conseguir capital para financiar as atividades de crédito da instituição, ou seja, um tipo de empréstimo que você faz e recebe os juros como rentabilidade.

Há 3 tipos de CDB:

. o prefixado: paga juros de acordo com a taxa definida na compra, ou seja, o retorno final já é preestabelecido no momento em que você adquire o papel,

. pós-fixado: com valores baseados em uma taxa de referência, como o CDI, por exemplo,

. mistos:  com porcentagem fixa pelos investimentos, mais um valor de juros estabelecido conforme a inflação.

3. LCI – Letra de Crédito Imobiliário

. O LCI – Letra de Crédito Imobiliário: é um investimento de renda fixa isento do Imposto de Renda, que possui rendimentos superiores aos da poupança.

Além desses investimentos, você também pode fazer opção por:

. Fundos de investimento: para você, iniciante, esse tipo de investimento funciona como condomínios financeiros, em que cada investidor adquire cotas de participação nos resultados.

. Ações: é um tipo de investimento feito em longo prazo, pois o período estendido ajuda a diluir os riscos. É um investimento que envolve mais riscos e são feitos por meio da bolsa de valores, entretanto para, você, iniciante, que tem o perfil arrojado, pode ser uma boa forma de começar na renda variável.

Como organizar suas finanças e multiplicar seu dinheiro?

A melhor forma de organizar sua vida financeira é, em primeiro lugar ter disciplina, depois vontade e seguir alguns conselhos, como:

1. tenha plena consciência de todos os seus ganhos e todas as suas despesas,

2. evite dívidas,

3. use seu do cartão de crédito com todo cuidado e não exagere em compras,

4. nunca compre por impulso,

5. tenha sempre uma reserva de emergência,

6. em qualquer época do ano, faça um planejamento financeiro,

7. tenha objetivos de curto, médio e longo prazo

8. nunca é tarde pata começar a poupar e a economizar dinheiro,

9. faça investimentos,

10. procure se conhecer, saber qual é o seu perfil de investidor,

11. tenha uma carteira de investimentos diversificada. lembre-se de que para isso não é preciso ganhar rios de dinheiro, basta saber economizar.

Como investir R$1000 e ter retorno rápido?

O investimento mais indicado para este valor é em títulos do Tesouro Direto.

Além de serem investimentos de renda fixa, possuem uma rentabilidade bastante previsível, ou seja, você não ficará inseguro.

Como você já sabe, a taxa Selic beneficia diretamente os investimentos pós-fixados, uma vez que eles seguem uma variação dos juros.

Por isso, investir em título do Tesouro Direto você terá liquidez diária, com risco extremamente baixo.

Ou seja, você não vai perder o patrimônio investido.

Caso você faça uma opção de investimento de R$ 1 mil, por exemplo, renderia em 12 meses R$ 136,50 bruto e R$ 112,61 líquido.

Como investir 5 reais e ter retorno rápido?

Se você acha que é impossível ganhar algum rendimento, aplicando apenas 5 reais, saiba que já foi publicado livro sobre este assunto, e o autor garante que é possível sim e diz mais, que é possível ficar milionário.

Este conceito está apresentado no livro de O Milionário Automático, de David Bach.

Segundo o autor, é possível cortar alguns gastos e poupar, de forma que seria possível se tornar milionário cortando apenas e inicialmente pequenos gastos.

Talvez não seja preciso ficar milionário.

O importante é acreditar que todo rendimento é válido, e que a disciplina e a educação financeira devem fazer parte da vida de qualquer investidor.

Você conhece e sabe o que é bolsa de valores?

A bolsa de valores é o mercado organizado onde se negociam ações de sociedades de capital aberto (públicas ou privadas) e outros valores mobiliários.

Para os iniciantes investidores, é preciso saber que a Bolsa de Valores é um tipo de mercado no qual os investidores podem negociar títulos e ações de empresas de capital aberto públicas ou privadas.

Desse modo, a Bolsa de Valores para iniciantes é uma instituição que tem a função de organizar a rotina de negociações, de maneira clara e segura e muita credibilidade, de modo que os investidores possam comprar e vender ações a partir da intermediação das chamadas corretoras de valores.

O trabalho da B3, como a Bolsa de valores é chamada aqui, ou seja, a B3 é uma bolsa de valores brasileira sediada na cidade de São Paulo. Funciona de forma autorregulada sob a supervisão da Comissão de Valores Mobiliários e seu indicador de referência é o Ibovespa

Nesse sentido, o trabalho da B3 é realizado em parceria com dois outros órgãos importantes para as operações na Bolsa:

. a CBLC (Companhia Brasileira de Liquidação e Custódia): é a garantia e segurança de todas as operações, e

. a CVM (Comissão de Valores Mobiliários), que regula e fiscaliza o mercado, com a intenção de evitar fraudes e garantir a integridade das transações.

O funcionamento da B3 é dinâmico e, por incrível que pareça, em se tratando de investimentos, é simples de entender, especialmente, depois que as operações de compra e venda passaram a ser 100% on-line.

Vale dizer que investir em Bolsa de Valores não é oportunidade de grandes investidores, por um motivo muito simples: não há um valor mínimo para investir na Bolsa.

Isso porque são oferecidas muitas opções de investimentos, de maneira que as possibilidades para investidores iniciantes ou com diferentes perfis possam também comprar ações.

Como investir 5 reais e ganhar dinheiro na bolsa de valores?

Inicialmente, é preciso que você tenha uma conta em alguma corretora de valores. Desse modo, é possível enviar os valores para essa conta e começar comprar os chamados “papéis” de empresas ou de FIIs.

Em seguida, é preciso saber em quais empresas você quer comprar ativos/papéis.

Além disso, investir em ações da Bolsa de Valores tem um alto potencial de retorno, sendo mais rentável que outros investimentos.

É claro que, como em qualquer outro investimento, há riscos para o investidor na Bolsa de Valores.

Contudo, a proporção é bem menor. O importante é ter um bom acompanhamento de mercado e saber fazer boas escolhas.

Dessa forma, é possível obter rendimentos compatíveis com o investimento.