Será que você tem direito ao pagamento de 400 milhões do PIS/PASEP?

Autor: Estação

Atualização:


Repasses disponíveis até o final de 2022
Quem tem direito ao pagamento do Pis

Os valores pagos pelo PIS/PASEP em 2022 são referentes ao ano-base de 2020 e já podem ser sacados. Caso você tenha exercido atividade remunerada com carteira assinada em 2020, confira se existem valores esquecidos a serem resgatados em seu nome. Os depósitos terminaram em março, mas podem ser resgatados até o dia 29 de dezembro.



De acordo com o Ministério do Trabalho e Previdência, 400 mil brasileiros têm direito ao benefício, mas ainda não procuraram a instituição financeira responsável por resgatar os valores. O montante esquecido soma mais de R$428,4 milhões.

Quem tem direito ao benefício?

Confira os requisitos para ser elegível ao recurso:

  • Estar cadastrado no PIS/Pasep há pelo menos 5 anos,
  • Ter trabalhado pelo tempo mínimo de 30 dias para pessoa jurídica em 2020,
  • Ter sido remunerado em até dois salários mínimos em 2020,
  • Estar com os dados atualizados pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS/eSocial).

Se você atende a esses requisitos, consulte os bancos Caixa Econômica Federal, para o PIS, e o Banco do Brasil, para o PASEP.

Como consultar e sacar os valores?

Para saber se você pode receber o benefício, disque 158 ou confira o aplicativo Carteira de Trabalho Digital. Em caso positivo, faça uma solicitação formal de resgate do montante: você pode enviar um e-mail para [email protected],gov.br, trocando a sigla “uf” pela sigla do estado que você mora.

Também é possível comparecer a uma das unidades regionais do Ministério do Trabalho para fazer tal solicitação.

Como recuperar o número do PIS?

Esqueceu o número do PIS? Não se preocupe! Existe algumas formas de recuperar o número do PIS, o Programa de Integração Social, criado pelo Governo Federal.

Por meio do PIS é possível ter acesso à benefícios criados pelo governo como FGTS, abono salarial e seguro desemprego.

Caso você precise consultar o número do PIS, fique de olho nas opções abaixo.

Site CNIS

No site cnisnet.inss.gov.br, no campo “cidadão”, clique em “inscrição” e em seguida em “filiado”. Algumas informações pessoais serão solicitadas para que o cadastro seja localizado.

Após localização do cadastro, as informações do PIS podem ser visualizadas.

Portal INSS

Acesse o Portal INSS com a conta gov.br e clique em “Meu cadastro”.

Ali será possível visualizar o PIS.

Aplicativo FGTS

Disponível para Android e iOS, o app FGTS também disponibiliza dados com o número do PIS para consulta.

Basta se cadastrar e realizar a consulta.

Carteira de trabalho Digital

No app Carteira de Trabalho Digital é possível visualizar o número do PIS. O app está disponível para Android e iOS.

Caixa Trabalhador

Caixa Trabalhador é um app disponibilizado pela Caixa Econômica Federal. O app também pode ser baixado em aparelhos Android e iOS.

Após realizar cadastro no app, é possível localizar o número do PIS.

Para consultar o número do PIS, basta clicar em “Meu NIS”. Aparecerá, em seguida, o número do PIS.

Site Caixa

No site caixa.gov.br clique em “Consultar cadastro NIS”. Ao ser redirecionado, basta fazer o login. Caso seja primeiro acesso, é necessário realizar cadastro. O cadastro é feito na hora e é rápido, tomando poucos minutos até a conclusão.

Atendimento telefônico Caixa

Outra forma de saber o número do PIS é ligar no atendimento telefônico da Caixa, no número 0800 726 0207.

O atendimento telefônico automático está disponível 24 horas.

Caso precise falar com atendente, basta ligar de segunda à sexta, das 08 às 21 horas, ou aos sábados, das 10 às 16 horas.

Mais Opções

Qual será o valor das aposentadorias do INSS em 2023?

Próximo Cartão

Como proteger a conta bancária em caso de roubo de celular?

Sobre o Estação

O Estação oferece respostas às suas dúvidas sobre cartões de crédito e contas digitais. O portal quer que você tenha certeza de que está tomando uma boa decisão. Siga o Estação no Google News.

Atenção: Para analisar pedidos de cartões de crédito, as políticas internas das instituições financeiras levam em consideração o perfil financeiro do consumidor. Por isso, é possível que um pedido seja negado em uma instituição financeira e aprovado em outra, já que cada uma usa critérios próprios para avaliação.

Mais opções para você