Será que o seu salário é compatível com o seu cargo?

Autor: Estação

Atualização:


Use essas ferramentas e descubra
Salário compatível com o cargo

Já tramita na Câmara dos Deputados, um projeto de lei que tem como objetivo obrigar as empresas a informar a faixa salarial na divulgação de vagas de trabalho. Entretanto, você não precisa esperar a aprovação desse projeto para saber se está na hora de pedir um aumento ou negociar com o chefe: separamos algumas ferramentas que podem te ajudar neste processo.



  • Salary Insights – Deel: essa ferramenta de comparação salarial permite que companhias e funcionários entendam a remuneração média oferecida em certo mercado de trabalho ao redor do mundo.

 “Fazemos um levantamento dos salários por meio de envios anônimos de contratados e funcionários da mesma área”,

Cristiano Soares, country manager da Deel no Brasil.

Além disso, a Salary Insights oferece uma calculadora de custos, que facilita os cálculos do custo total da contratação de um funcionário.

  • Salary Comparison Tool – Michael Page: a Salary Comparison Tool é uma ferramenta de comparação salarial. Para usá-la, você precisa informar o tamanho da empresa e o cargo que você ocupa. Desse modo, você descobrirá se o seu salário está abaixo ou acima da média.
  • Salariômetro – Fipe: com a ferramenta da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, Fipe, você pode conferir o salário de cada profissão em diferentes estados. Também é possível obter informações acerca de reajustes salariais e o piso médio por categoria ao usar essa ferramenta.

Além dessas ferramentas de comparação salarial, você pode recorrer às medidas abaixo:

  • Guias salariais – os guias salariais, como os da Robert Half e da Hays, trazem perspectivas salariais e tendências do mercado de trabalho para mais de 300 cargos em diferentes mercados de trabalho.
  • Glassdoor – nessa ferramenta, as pessoas postam o valor de suas remunerações de acordo com o cargo que ocupam.

Como negociar?

Se, ao consultar as ferramentas acima, você concluiu que é necessário negociar o seu salário, confira essas dicas:

  1. Prepare uma pesquisa prévia e bem detalhada do salário médio oferecido por outras empresas aos trabalhadores que ocupam o mesmo cargo,
  2. Conheça o momento da empresa: certifique-se de que a empresa está passando por um bom momento nas finanças,
  3. Entregue resultados à empresa,
  4. Considere os benefícios que você já recebe,
  5. Não insista se o empregador não estiver aberto a negociações.
Mais Opções

Menores de 18 anos agora podem ter conta Nubank, entenda

Próximo Cartão

Por que o setor de serviços cresceu tanto?

Sobre o Estação

O Estação oferece respostas às suas dúvidas sobre cartões de crédito e contas digitais. O portal quer que você tenha certeza de que está tomando uma boa decisão. Siga o Estação no Google News.

Atenção: Para analisar pedidos de cartões de crédito, as políticas internas das instituições financeiras levam em consideração o perfil financeiro do consumidor. Por isso, é possível que um pedido seja negado em uma instituição financeira e aprovado em outra, já que cada uma usa critérios próprios para avaliação.

Mais opções para você