Por que o setor de serviços cresceu tanto?

Autor: Estação

Atualização:


O setor registrou um avanço de 0,9%, segundo o IBGE
Crescimento do setor de serviços

De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, IBGE, o setor de serviços do Brasil cresceu 0,9% em maio, em relação a abril.



No mesmo período do ano passado, os serviços avançaram 9,2%, o que superou as expectativas do mercado: um levantamento da Reuters, por exemplo, apontou que os avanços esperados seriam de 0,2% na comparação mensal e de 8,5% na base anual.

Confira abaixo os resultados colhidos pela pesquisa do IBGE, que categorizou o setor de serviços e a sua porcentagem no mês de maio:

  • Serviços prestados às famílias (+1,9%),
  • Serviços de informação e comunicação (+0,9%),
  • Serviços profissionais, administrativos e complementares (+1%),
  • Transporte, serviços auxiliares aos transportes e correio (+0,9%),
  • Outros serviços (+3,1%).

O principal motivo desse crescimento no setor de serviços, é a retomada econômica no período pós-pandemia. Entretanto, questões conjunturais, como a alta da inflação, ainda prejudicam as atividades econômicas.

Mais Opções

Será que o seu salário é compatível com o seu cargo?

Próximo Cartão

Bill Gates quer doar US$20 bilhões

Sobre o Estação

O Estação oferece respostas às suas dúvidas sobre cartões de crédito e contas digitais. O portal quer que você tenha certeza de que está tomando uma boa decisão. Siga o Estação no Google News.

Atenção: Para analisar pedidos de cartões de crédito, as políticas internas das instituições financeiras levam em consideração o perfil financeiro do consumidor. Por isso, é possível que um pedido seja negado em uma instituição financeira e aprovado em outra, já que cada uma usa critérios próprios para avaliação.

Mais opções para você