Governo paga bônus para quem recebeu mais que R$ 1.903,99 em 2021

Autor: Estação

Atualização:


Governo Federal faz a restituição do Imposto de Renda. Saiba aqui se você tem direito

Trabalhadores brasileiros que receberam mensalmente um montante acima dos R$1903,99 em 2021 poderão receber uma “bonificação” do governo federal.



Afinal, que bônus é esse?

Trata-se da restituição do Imposto de Renda 2022. Para ter acesso a ela nos próximos meses, é necessário que o trabalhador faça a entrega da declaração de renda superior a R$1903,99 até a data prevista.

Por que isso acontece?

Esse reembolso é feito ao cidadão porque algumas despesas que foram pagas por ele no decorrer do ano não são tributadas. Isso quer dizer que quem paga mais impostos do que deve no período de um ano, tem direito a uma restituição.

É possível aumentar o valor da restituição?

Sim! Você pode diminuir o valor do imposto aplicável inserindo despesas dedutíveis. A base tributável diminui se você incluir gastos com educação, pensão alimentícia, saúde e outras despesas com dependentes. Assim, maior será o valor da sua restituição.

Quais são as datas de restituição?

As datas são organizadas em 5 lotes. São eles:

  • 1º lote: 31 de maio;
  • 2º lote: 30 de junho;
  • 3º lote: 29 de julho;
  • 4º lote: 31 de agosto;
  • 5º lote: 30 de setembro.

Os primeiros lotes incluem idosos, pessoas com deficiência, pessoas com doenças graves e professores, esses grupos têm prioridade no recebimento. A partir do dia 24 de maio, a consulta ao primeiro lote de restituição do IR 2022  estará liberada pela Receita.

Mais Opções

Dinheiro Extra com Caixa Tem: confira se você pode receber

Próximo Cartão

Itaú lança nova conta com cartão que dá 5% de cashback

Sobre o Estação

O Estação oferece respostas às suas dúvidas sobre cartões de crédito e contas digitais. O portal quer que você tenha certeza de que está tomando uma boa decisão. Siga o Estação no Google News.

Atenção: Para analisar pedidos de cartões de crédito, as políticas internas das instituições financeiras levam em consideração o perfil financeiro do consumidor. Por isso, é possível que um pedido seja negado em uma instituição financeira e aprovado em outra, já que cada uma usa critérios próprios para avaliação.

Mais opções para você