Cuidado: seus dados pessoais e dinheiro podem ser roubados pelo Gmail

Autor: Estação

Atualização:


Descubra como você pode proteger suas contas e seus dados
Brasileiros optam por marcas mais baratas

Se você também conta com a facilidade de acessar os apps do smartphone por meio da conta Gmail, inclusive as carteiras digitais, saiba que seus dados pessoais e dinheiro podem estar correndo risco.



O sistema Gmail não possui nenhum tipo de restrição de acesso. Isso faz com que, em casos de furto do smartphone, o bandido tenha livre acesso a todos os aplicativos que podem ser logados pela conta Gmail.

O maior cuidado deve ser com as carteiras digitais, que nessa situação de furto do smartphone, podem ser invadidas. Dessa forma, o invasor pode acessar a conta bancária, fazer transferências para outras contas, saques e até mesmo pedir empréstimos em nome da vítima.

Como evitar roubo de dados?

Quando o assunto é cibersegurança, algumas medidas importantes devem ser tomadas pelos usuários de smartphones para que seus dados sejam protegidos. Confira:

– Ative uma senha de desbloqueio das carteiras digitais,

– Sempre que possível, registre a biometria no sistema dos aplicativos. E faça uso da biometria sempre que fizer qualquer transação dentro deste app,

– Dentro do app de seu banco, limite o valor a ser transferido por meio do PIX,

– Sempre que possível, use a verificação de dois fatores ou verificação em duas etapas. Essa verificação é como uma camada extra de segurança na conta e tem como objetivo confirmar a identidade do usuário,

– Evite em andar com celulares desbloqueados em locais públicos. Segundo policiais, os criminosos dão preferências para roubar celulares já desbloqueados, pela facilidade para trocar a senha do aparelho.

O que fazer em caso de roubo do smartphone?

– Bloqueie o aparelho usando o IMEI (International Mobile Equipment Identity). Esse registro internacional permite a inutilização do celular de maneira mais rápida. Assim, ligue o mais rápido possível para a operadora de seu telefone e forneça o número IMEI contido na caixa do aparelho, para que o bloqueio seja feito o mais rápido possível.

– Mude todas as senhas de seus aplicativos.

– Comunique o roubo à sua instituição financeira. Assim, o banco ficará atento a qualquer movimentação suspeita em sua conta.

– Avise parentes e amigos para que ninguém caia no golpe das mensagens que pedem dinheiro. Em casos de roubo é muito comum o bandido acessar o celular da vítima e contactar amigos e parentes pedindo alta soma em dinheiro.

Por fim, não se esqueça de fazer um boletim de ocorrências. O boletim de ocorrências é muito importante para informar ao banco em casos de transferências sem autorização do dono da conta.  

Mais Opções

Cuidado para não cair no golpe do boleto falso, entenda

Próximo Cartão

É possível consultar seu CPF sem pagar. Saiba como!

Sobre o Estação

O Estação oferece respostas às suas dúvidas sobre cartões de crédito e contas digitais. O portal quer que você tenha certeza de que está tomando uma boa decisão. Siga o Estação no Google News.

Atenção: Para analisar pedidos de cartões de crédito, as políticas internas das instituições financeiras levam em consideração o perfil financeiro do consumidor. Por isso, é possível que um pedido seja negado em uma instituição financeira e aprovado em outra, já que cada uma usa critérios próprios para avaliação.

Mais opções para você