Como o brasileiro escolhe um banco?

17/05/2021 às 12:18
A principal escolha do banco está ligada à instituição na qual o trabalhador recebe o seu salário – 37% dos entrevistados.

Publicidade

Apenas no Brasil, temos mais de 250 instituições financeiras entre bancos físicos, digitais e fintechs. Assim, escolher o banco ideal não pode ser uma escolha aleatória.


Publicidade

Através do banco ideal, você adquire melhores taxas, parcerias, cashback, condições de crédito e qualidade dos canais de atendimento.

Caso queira descobrir como o brasileiro escolhe um banco, confira o artigo a seguir!


Publicidade

O que influencia as pessoas a escolherem determinada instituição financeira?

Escolher um banco exige a compreensão que o conforto não deve ser a única variável a ser analisada. 

Para cada pessoa uma determinada instituição financeira será mais adequada. Atualmente, conforme demonstram as pesquisas do mercado, bancos digitais são os mais escolhidos entre os usuários.

Devido à segurança, comodidade e acessibilidade, ninguém mais quer deslocar-se a uma agência física. Mas, essa é uma boa escolha?

Certamente, a comodidade e acessibilidade são critérios que precisam ser considerados. Afinal, a função de um banco é ajudá-lo a gerenciar sua vida financeira, e não atrasá-la. 

Todavia, também precisamos observar a credibilidade daquela instituição. Da mesma maneira, as tarifas envolvidas, serviços ofertados e as tecnologias utilizadas no sistema de operação do banco digital.

O ideal é que haja uma combinação entre todos esses benefícios, escolhendo um banco que atenda minimamente a cada um deles e tenha taxas com um bom custo-benefício.

A pesquisa feita pelo Instituto Plano CD demonstrou que há certo equilíbrio nos bancos disponíveis no mercado, com exceção da confiança

Em resumo, a confiança no banco se tornou um dos fatores que os usuários levam muita em conta, comparado a 2020 em que somente 1% do público se importava com esse pré-requisito.

Quais são os pontos citados na pesquisa?

Você já parou para pensar qual é o melhor banco atualmente? Como e por quê elegeu esse banco como o melhor? Quais critérios estão sendo considerados? O que influencia você a preferir determinado banco?

Bom, a primeira coisa que precisamos entender é que o comportamento das pessoas não é o mesmo por toda vida. Ou seja, nossas opiniões mudam conforme vivenciamos novas experiências.

Tal fato é comprovado ao analisarmos a pesquisa do Instituto Plano CD. Em 2021, para 24% dos entrevistados a confiança passou a ser um fator elementar ao escolher um banco.

Outro ponto interessante é perceber que para 37% dos entrevistados a escolha de uma instituição financeira é determinada pelo banco em que recebe ou seu salário

Em segundo lugar, temos a isenção de tarifas, sendo mencionado por 29% dos entrevistados

Em terceiro lugar, podemos destacar a influência dos bancos digitais, que representaram 28% de todos os entrevistados, tendo uma relativa queda em relação a 2020, quando o percentual era de 31%

O que são considerados benefícios conforme os pesquisados?

Segundo a pesquisa, a credibilidade, os tributos cobrados e os bancos digitais são os três pontos mais citados pelos entrevistados.

Na prática, são considerados os seguintes benefícios:

Credibilidade no mercado: instituições financeiras transparentes, com boas recomendações e que inspiram a confiança de seus clientes.

Tarifas baixas: bancos que não cobram a taxa de anuidade ou aqueles com pouca/nenhuma tarifação.

Bancos digitais: considerando todos aqueles elementos que já abordamos (como a comodidade e a acessibilidade).

Os brasileiros estão satisfeitos com seus bancos?

A pesquisa do Instituto Plano CD apontou que os brasileiros estão muito mais criteriosos ao escolher um banco. A mudança de comportamento, colocando a confiança como elemento-chave, demonstra bem essa afirmação.

Além disso, essa pesquisa também demonstrou que os brasileiros estão bem mais adaptados aos bancos digitais. Em geral, essa transformação lenta e gradual na mentalidade da população se deve a maior quantidade de informação sobre finanças na mídia e internet.

Caso o cliente escolha um banco que não atenda todos os seus pré-requisitos, a hipótese dele continuar como cliente é muito baixa, já que há várias opções no mercado sem muita burocracia. 

Por que a pesquisa foi realizada pelo Twitter? Qual a relevância?

A pesquisa foi realizada pelo Twitter, com cerca de 1.500 pessoas e com margem de erro de, no máximo, 2.1%. Mas, por que o Twitter?

Primeiramente, o Brasil está entre os 10 países que mais utilizam o Twitter no mundo. Além disso, dos usuários do Twitter, quase metade deles (46%) utilizam essa rede social diariamente. 

O Twitter é o lugar ideal para entender qual é o melhor banco para jovens e como pensa esse público. 

Dada a presença massiva de jovens entre 18 e 24 anos na rede, fazer uma pesquisa em um local em que há uso constante garante maior confiabilidade na transmissão de informações.

Apesar de enfrentar alguns desafios e críticas, o Twitter é uma importante fonte de informação e disseminação de notícias. Os chamados “tuiteiros” gostam muito de falar sobre política, economia, finanças, sendo este espaço importante para debater e fazer esse tipo de pesquisa. 

O brasileiro confia nos bancos digitais?

SIM! E essa confiança aumenta cada dia mais. Segundo 39% dos entrevistados, abrir uma conta através de um aplicativo é algo “totalmente confiável” e sem risco. Outros 30% denominaram que esse procedimento é “confiável”. 

Ainda, 77% dos entrevistados afirmaram que utilizam esses aplicativos para fazer transferências entre contas, o que significa um bom avanço frente a 2020 (72%) e 2019 (51%).

Porém, em um fator observa-se uma queda. Em 2020, enquanto 72% das pessoas diziam utilizar os aplicativos para pagar contas, em 2021 esse número caiu para 68%.

Com relação a fazer depósitos pelos bancos e aplicativos digitais, ocorreu um leve aumento: passamos de 42% em 2020 para 43% em 2021. 

De acordo com outra pesquisa feita pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), cerca de 60% das pessoas têm preferência pelo atendimento digital

Dentre os benefícios oferecidos por esse canal, 8% destacaram a economia, 7% apontou à eliminação de intermediários, 46% destacaram que o meio digital poupa tempo e 29% destacou a não necessidade de deslocar até outros espaços.

Qual o banco mais bem avaliado? Quais motivos?

O pódio apontado aqui foi divulgado pela revista Forbes, apresentando os melhores bancos: Nubank; Banco Inter; C6 Bank; Pagseguro; Neon.

Como percebemos, são todos bancos inclusos parcial ou totalmente na era digital, usando aplicativos e tecnologias da informação em massa para desenvolver seus serviços.

Para a pesquisa, foram considerados a satisfação dos usuários com relação à confiança, tarifas, serviços ofertados, consultoria, entre outros elementos. 

Enfim, você aprendeu um pouco mais sobre o comportamento dos brasileiros ao escolher um banco em 2021. Agora, será mais fácil identificar como escolher o seu banco!

Mais Opções

Fintech Akredito: a melhor solução para limpar seu nome

Próximo Cartão

Conta digital Kids do banco Inter

Mais opções para você

Buscando cartão

0